como surgiu o en dehors no ballet clássico

Clique para começar!

o en dehors é uma das bases do ballet e desejo de muitos bailarinos. e você já deve ter se perguntado: quem inventou isso?

neste conteúdo é sobre isso que vou falar: a origem histórica do en dehors noballet.

no reinado de luis xiv,um professor teve grande importância para o uso do en dehors no ballet. pierre beauchamp criou as 5 posições básicas dos pés que se usa no mundo todo até hoje.

na grécia antiga eram fortes as modalidades de tragédia, comédia e sátira. os teatros na época tinha o formato "arena", em que a platéia ficava em meia lua. percebeu-se que ficar en dehors se falava para mais gente.

1

1

teatro grego

foi o teatro do reinado da elisabeth i na inglaterra, onde shakespeare foi o grande expoente. com influência da cultura grega, também tinha a forma de um circo e a platéia também se sentava em meia lua.

2

2

teatro elisabetano

foi o primeiro livro francês sobre a dança e já trazia noções sobre o en dehors, chamando-o de "virada para fora

3

3

o livro Orchésographie

as justificativas para o en dehors vão além da história e da estética. não conseguiríamos fazer vários dos passos existentes se estivéssemos em paralelo. por exemplo, um developpé a la seconde não teria a mesma possibilidade de altura se não fosse en dehors.

embora seja mais visto pelos pés, o en dehors é uma rotação externa que começa no quadril. se pensarmos em forçar um en dehors além da conta, ou só pelos pés os riscos de lesão das articulações dos pés, joelho e quadril são muito grandes!