Vamos de exercício para melhorar a pirueta en dehors de quarta?

Hoje foi ao ar mais um vídeo do canal que eu vou disponibilizar aqui para vocês que leem aqui também. Primeiramente, o vídeo do YouTube, e abaixo a descrição por escrito.

Quem tem dificuldade e não consegue girar de jeito nenhum, seja por medo ou falta de prática, vai ajudar MUITO!

Esse exercício me ajuda muito na minha pirueta en dehors de quarta.

Ele pode ser feito na ponta ou meia ponta e dá para fazer mesmo que você tenha um lugar pequeno para praticar.

Ele é simplesmente uma sequência de tendu, começando em quinta posição, fecha atrás, tendu, plié na quarta e giro. É basicamente um exercício de giro decomposto (lembrando que praticamente todo passo do ballet pode ser decomposto para a limpeza e o melhor aprendizado).

Começa com 1/4 de giro até completar a volta e chegar novamente de frente. Vai progredindo até a quantidade de giros que você conseguir fazer (exemplo: 1/4 de giro, 1/2 giro, 1 giro, 2 giros e assim por diante).

Esse exercício ajuda muito a encontrar o eixo, a dosar a força dos braços, a ter constância nas piruetas (se a sua pirueta uma hora sai, outra hora não sai, treine dessa forma), e também a perder o medo de girar!

MUITO importante coordenar: ao mesmo tempo que o braço fecha na primeira, você deve fazer o relevé passé, pois assim seu giro não vai ficar descoordenado.

Muito importante pensar no passé ficando em cima, pois quando vamos fazer a pirueta é a mesma coisa que vamos precisar fazer.

Também gosto sempre de fazer com música, pois ela vai ajudar a girar e tirar a concentração do medo e colocar no tempo musical. A música usada é do ballet Coppélia. No vídeo eu explico direitinho a contagem de como a pirueta vai ser feita nessa música.

 

Se gostou do exercício e vai praticar também comenta aqui embaixo para eu saber!

Até o próximo post!