Arabesque – oriunda da palavra árabe “arabesco“, significa “ornamento”, “enfeite”.

É uma posição em que o peso do corpo é sustentado numa perna só enquanto  a outra encontra-se esticada para trás.

Já os braços podem variar, podendo estar estendidos em várias posições harmoniosas, criando a linha mais longa possível, da ponta dos dedos da mão à dos pés.

O pé que sustenta o corpo (pé de base) pode estar totalmente no chão, na meia ponta ou na ponta.

A perna de base pode ou não estar flexionada.

 

Olá bailarinos e bailarinas que acompanham o Tutu da Ju!

Quem já me acompanha algum tempo, sabe que falo que sou a louca do arabesque! haha! Eu AMO esse passo e quando me surge a oportunidade de tirar fotos de ballet, a primeira pose que me vem a cabeça é o arabesque! Sou apaixonada por esse passo, gente! Então não poderia deixar de ter um post sobre ele por aqui!!!!

O post de hoje será mais teórico! Já viram o post que eu escrevi sobre os sete métodos do ballet? Estava devendo para vcs uma comparação entre os arabesques de cada método do ballet! Vcs sabiam que dependendo do método pode ter até 5 arabesques? Este é o conteúdo do post de hoje!!!

Aguardem, pois também farei um post com vídeo de como melhorar o seu arabesque!!!

Vamos aos métodos do ballet e seus arabesques:

 

1. Método Francês (École Française):

3

1 – Arabesque Ouverte

O corpo se posiciona em effacé, com leve inclinação à frente.

O braço da perna de base encontra-se estendido em frente ao corpo.

O braço da perna de ação está estendido ao lado do ombro.

A posição da cabeça é de perfil para a platéia.

2 – Arabesque Croisée

O corpo se posiciona em croisé.

O braço da perna de base encontra-se estendido em frente ao corpo, com os dedos na altura do nariz.

O braço da perna de ação está estendido ao lado do ombro, levemente para trás e em linha descendente.

A posição da cabeça é como se olhasse o movimento da mão em frente ao corpo.

 

2. Método Italiano (Cecchetti):

 

Resultado de imagem para arabesques cecchetti

1 – Primeiro Arabesque

O corpo se posiciona em effacé, com leve inclinação à frente.

O braço da perna de base encontra-se estendido em frente ao corpo.

O braço da perna de ação está estendido ao lado do ombro.

A posição da cabeça é de perfil para a platéia.

2 – Segundo Arabesque

O corpo se posiciona em effacé.

O braço da perna de base está estendido ao lado, devendo ser visto pela plateia por detrás do corpo do bailarino.

O braço da perna de ação encontra-se estendido em frente ao corpo.

A posição da cabeça é em direção à platéia.

3 – Terceiro Arabesque

Este reúne o 1º e o 2º arabesque.

O corpo se posiciona em effacé.

Ambos os braços encontram-se estendido em frente ao corpo, em linha ascendente mas linhas separadas um do outro, evitando esconder o rosto da plateia. O braço de dentro encontra-se mais alto que o de fora.

A posição da cabeça é olhando por cima da ponta dos dedos da mão em frente ao corpo mais alta.

4 – Quarto Arabesque

O corpo se posiciona em croisée.

O braço da perna de trabalho fica estendido à frente do corpo, enquanto o da perna de base está estendido um pouco para trás do corpo.

A posição da cabeça é olhando por cima da ponta dos dedos da mão em frente ao corpo mais alta.

A perna de base fica no fondue enquanto a perna de trabalho fica estendida atrás.

5 – Quinto Arabesque

O corpo se posiciona em croisée.

Ambos os braços encontram-se estendido em frente ao corpo, em linha ascendente mas linhas separadas um do outro, evitando esconder o rosto da plateia. O braço de dentro encontra-se mais alto que o de fora.

A posição da cabeça é olhando por cima da ponta dos dedos da mão em frente ao corpo mais alta.

A perna de base fica no fondue enquanto a perna de trabalho fica estendida atrás.

3. Método Russo (Vaganova) e Método Cubano

Estas duas escolas do ballet clássico usam os mesmos tipos de arabesques (vejam o quadro comparativo ao final do post).

 

2

1 – Primeiro Arabesque

O corpo se posiciona em effacé, com leve inclinação à frente.

O braço da perna de base encontra-se estendido em frente ao corpo.

O braço da perna de ação está estendido ao lado do ombro.

A posição da cabeça é de perfil para a platéia.

2 – Segundo Arabesque

O corpo se posiciona em effacé.

O braço da perna de base está estendido ao lado, devendo ser visto pela plateia por detrás do corpo do bailarino.

O braço da perna de ação encontra-se estendido em frente ao corpo.

A posição da cabeça é em direção à platéia.

3 – Terceiro Arabesque

O corpo se posiciona em croisé.

O braço da perna de base está estendido ao lado do ombro, levemente para trás e em linha descendente.

O braço da perna de ação encontra-se estendido em frente ao corpo, com os dedos na altura do nariz.

A posição da cabeça é como se olhasse o movimento da mão em frente ao corpo.

4 – Quarto Arabesque

O corpo se posiciona em croisé. – Este é o mais difícil de ser executado na técnica russa, pois existe uma torção do tronco (épaulement), onde as costas devem ser mostradas para a plateia.

O braço da perna de base encontra-se estendido em frente ao corpo.

O braço da perna de ação está estendido ao lado do ombro, levemente para trás e em linha descendente.

A posição da cabeça encontra-se em direção à platéia.

 

4. Método Inglês (Royal)

http://sabrinadesouza.com.br/wp-content/uploads/2016/01/4.png

1 – Primeiro Arabesque

O corpo se posiciona em effacé, com leve inclinação à frente.

O braço da perna de base encontra-se estendido em frente ao corpo.

O braço da perna de ação está estendido ao lado do ombro.

A posição da cabeça é de perfil para a platéia.

2 – Segundo Arabesque

O corpo se posiciona em effacé.

O braço da perna de base está estendido ao lado, devendo ser visto pela plateia por detrás do corpo do bailarino.

O braço da perna de ação encontra-se estendido em frente ao corpo.

A posição da cabeça é em direção à platéia.

3 – Terceiro Arabesque

Este reúne o 1º e o 2º arabesque.

O corpo se posiciona em effacé.

Ambos os braços encontram-se estendido em frente ao corpo, em linha ascendente mas linhas separadas um do outro, evitando esconder o rosto da plateia. O braço de dentro encontra-se mais alto que o de fora

A posição da cabeça é olhando por cima da ponta dos dedos da mão em frente ao corpo mais alta.

 

Obs: achei também esse quadro comparativo:

Resultado de imagem para braços royal ballet

Obs2: Não encontrei informações sobre os métodos americano de Balanchine e o Dinamarquês de Bournonville. Quem souber, deixa nos comentários!

Para mais detalhes, minhas fontes:

 

E essas foram as possíveis comparações que eu encontrei sobre os arabesques de cada método do ballet clássico!

Acompanhem o Tutu da Ju em todas as redes sociais!!!

Até o próximo post!!!