Oi bailarinos e bailarinas!

Hoje teve vídeo no canal e dessa vez é especial para quem quer trabalhar com dança!

Alguns de vocês me perguntam muiiito se ainda é possível ser bailarino profissional, começando a fazer ballet mais tarde. Por isso, decidi fazer um vídeo no canal falando algumas possibilidades existentes no mundo da dança para quem quer que o ballet não seja só um hobby na sua vida, mas a sua profissão!

Primeiro, deixo o vídeo no canal, e logo em seguida, cada uma dessas profissões por escrito.

1. Bailarino profissional

Talvez uma das carreiras mais difíceis no mundo da dança é ser bailarino profissional. Requer muita dedição, muitas horas de treino por dia durante muitos anos, um certo tipo físico, e por aí vai! Mas se é esse o seu sonho, se dedica muiiito, e se agarra a ele!

2. Professor de ballet

Não ache que por que você dança há muitos anos, que você necessariamente conseguirá dar aulas de ballet. Não é isso que te torna apto! Para ser professor de ballet também precisa se estudar e MUITO! E gostar verdadeiramente do que faz!

Se você pensa em seguir nesse caminho, comece AGORA! Você sempre pode começar a dar aulas! Não precisa ter sido bailarino profissional e nem ter feito necessariamente faculdade de dança.

Esse ano de 2019 eu dei minhas primeiras aulas de ballet. Se você quer começar a dar aulas e não sabe como, clica nesse link aqui para ler o post do blog; e se você quer dicas de como fazer um plano de aulas, clica aqui que tem vídeo no canal sobre isso!

3. Ensaiador

É aquele professor responsável por ensaiar coreografias em grupo, solos, variações de repertório. Requer muito estudo dos ballets para entender o que cobrar e corrigir quem está dançando.

4. Remontador ou coreógrafo

Parecida com a profissão acima, é o responsável por remontar ballets, de repertório ou não, e de criar coreografias, podendo ser para a turma durante o ano todo, ou para eventos pontuais, como festas de 15 anos e casamentos, por exemplo.

Requer, além muito estudo dos ballets, ter em mente que a criatividade está em tudo a sua volta e tirar tudo isso como material de estudo, como: peças, livros, filmes e até mesmo ações cotidianas.

5. Fotógrafo de dança

Fotografar dança é MUITO difícil. Embora, estejam surgindo cada vez mais fotógrafos nessa área também devido à existência das redes sociais, nem sempre esse fotógrafo consegue captar o que nós bailarinas gostamos de ver numa foto: um pé esticado, joelhos esticados, linhas bonitas… E por isso, se o fotógrafo de dança, ser bailarino vai ser um diferencial!

Aqui no canal já teve um vlog que eu mostrei um dia de ensaio fotográfico na Urca com a Mari Salles. Para assistir, basta clicar aqui.

6. Criador de contéudo

É a mais nova profissão do mercado! Influencer ou criador de conteúdo é profissão SIM! E dá para ganhar dinheiro SIM! Basta você escolher a forma com que você mais se identifica. Mas também requer dedicação e, principalmente, aprendizado de novas coisas. Vc não acha que vai ficar rico se postar uma vez por mês né?

 

Espero que esse post tenha te ajudado e enxergar todas as possibilidades que a dança dá!

Lembrando que eu já fiz um post no blog sobre esse tema!

Até o próximo post!